A Bíblia diz que há um só corpo, ou igreja, na qual Jesus chama o Seu povo do tempo do fim – a noiva de Cristo. Para alguns, isso é irritante, pois atualmente existem milhares de igrejas diferentes, que se dizem cristãs. Virtualmente cada uma afirma ser a igreja de Deus, ainda que cada uma delas difiram amplamente na interpretação bíblica, fé e prática. É completamente impossível para o pesquisador sincero da verdade investigar as alegações de cada uma delas. No entanto, podemos ser gratos pois Jesus resolveu este dilema para nós, descrevendo a Sua igreja com tal clareza de detalhe que você pode facilmente identificá-la! Essa descrição, vívida e poderosa, é encontrada em Apocalipse 12 e 14, e vai impressioná-lo com as verdades surpreendentes que irão ajudá-lo no fim dos tempos. Por favor, leia Apocalipse 12:1-17 antes de começar a sua viagem de descoberta rumo a estas transformadoras verdades.

1. Por qual símbolo profético Jesus representa a Sua igreja verdadeira?

“À formosa e delicada assemelhei a filha de Sião” (Jeremias 6:2). “E dizer a Sião: Tu és meu povo” (Isaías 51:16).

R: Aprendemos no Guia de Estudo 22 que Jesus simboliza Sua verdadeira e pura Igreja (Sião) como uma mulher pura, e a igreja apóstata como uma prostituta. Alguns outros textos, que também utilizam esse simbolismo é 2 Coríntios 11:2, Efésios 5:22, 23, e Apocalipse 19:7, 8.

2. Em Apocalipse 12:1, Jesus simboliza Sua igreja como uma “mulher vestida de sol”, com “a lua debaixo dos seus pés” e vestindo “Uma coroa de doze estrelas”. O que esses símbolos significam?

Resposta:

A. O sol representa Jesus, o Seu Evangelho e Sua justiça. “O Senhor Deus é sol” (Salmo 84:11). (Veja também Malaquias 4:2). Sem Jesus não há salvação (Atos 4:12). Mais do que qualquer outra coisa, Jesus quer que Sua Igreja transborde com Sua presença e glória.

B. “A lua debaixo dos pés” representa o sistema de sacrifícios do Antigo Testamento. Como a lua reflete a luz do sol, assim o sistema de sacrifícios era útil apenas espiritualmente, pois refletia a luz do Messias vindouro (Hebreus 10:1).

C. A “coroa de doze estrelas” representa o trabalho dos 12 discípulos, que coroou os primeiros anos da igreja do Novo Testamento.

3. Em seguida, a profecia diz que a mulher está em trabalho de parto, prestes a dar à luz a um bebê que um dia iria reger todas as nações com cetro de ferro. Ela então deu à luz ao “filho do homem”, e depois ele foi levado para o trono de Deus no céu (Apocalipse 12:1, 2, 5). Quem era esse bebê?

R: O bebê era Jesus. Ele um dia regerá todas as nações com cetro de ferro (Apocalipse 19:13-16; Salmos 2:7-9). Jesus, que foi crucificado por nossos pecados, foi ressuscitado dentre os mortos e ascendeu ao céu (Atos 1:9-11). Seu poder de ressurreição em nossas vidas é um dos dons essenciais de Jesus a Seu povo (Filipenses 3:10).

4. Apocalipse 12:3, 4 apresenta “um grande dragão vermelho” que odiava o “filho do homem” e tentou matá-lo em seu nascimento. Você pode se lembrar deste dragão no Guia de Estudo 20. Quem era o dragão?

R: O dragão representa Satanás, que foi expulso do céu (Apocalipse 12:7-9) e que estava trabalhando no momento do nascimento de Jesus através do império romano pagão. O governante que tentou matar Jesus ao nascer foi Herodes, um rei da Roma pagã. Ele matou todos os bebês do sexo masculino de Belém, na esperança de que um deles fosse Jesus (Mateus 2:16).

5. Qual é o significado das “sete cabeças” e “dez chifres” do dragão, e da “terceira parte das estrelas do céu”, sendo atiradas para a terra?

Resposta:

A. As “sete cabeças”, representam as sete colinas e montanhas em que Roma foi construída (Apocalipse 17:9, 10). Temos agora encontrado uma besta com sete cabeças e 10 chifres, três vezes em nossos Guias de Estudo (Apocalipse 12:3; 13:01, 17:3).

B. Os “dez chifres” representam os governos, ou nações, que apoiam as grandes potências em sua opressão ao povo e a Igreja de Deus. Durante o domínio da Roma pagã (Apocalipse 12:3, 4), eles representavam as 10 tribos bárbaras que apoiaram o papado e acabaram por derrubar o Império Romano (Daniel 7:23, 24). Essas tribos mais tarde se tornaram a Europa moderna. Nos últimos dias, eles representam todas as nações do mundo unidas na coalizão do fim dos tempos (Apocalipse 16:14; 17:12, 13, 16) que apoiarão “a grande Babilônia” em sua guerra contra o povo de Deus.

C. “A terceira parte das estrelas do céu” são os anjos que apoiaram Lucifer em sua insurreição nos céus e que foram expulsos com ele (Apocalipse 12:9, Lucas 10:18, Isaías 14:12).

Revisão e Resumo

Até o momento, a profecia cobriu os seguintes fatos da Bíblia:

1. A verdadeira igreja de Deus aparece, simbolizada por uma mulher pura.
2. Jesus nasce para a igreja.
3. Satanás, operando através do Rei Herodes da Roma pagã, tenta matar o bebê Jesus.
4. O plano de Satanás é mal sucedido.
5. A ascensão de Jesus é retratada.

6. O que Satanás fez depois que ele falhou em seu plano de destruir o menino Jesus?

“perseguiu a mulher que dera à luz o filho homem” (Apocalipse 12:13).

R: Uma vez que ele não era mais capaz de atacar a Jesus pessoalmente, ele direcionou sua fúria e perseguição à igreja de Deus e ao Seu povo.

Seis pontos de identificação
Em Apocalipse capítulos 12 e 14, Jesus nos dá seis pontos descritivos
para utilizarmos na identificação de Sua igreja do fim dos tempos. Preste atenção neles ao estudar o restante deste Guia de Estudo.

7. O que a mulher (igreja) fez para se proteger, e o que é o “deserto” de que fala Apocalipse 12:6, 14?

Resposta:

A. Os versículos 6 e 14 dizem: “A mulher fugiu para o deserto”, onde estaria protegida por “Um tempo, e tempos, e metade de um tempo” (ou 1.260 anos literais) da ira de Satanás – que trabalhava então através de Roma papal. As “duas asas” representam a proteção e apoio que Deus deu a Igreja durante seu tempo no “deserto” (Êxodo 19:4, Deuteronômio 32:11). O tempo gasto no deserto é o mesmo período de 1.260 anos da proeminência e perseguição papal (538-1798 AD) que Jesus repetidamente mencionou na profecia. Um dia profético equivale a um ano literal (Ezequiel 4:6).

B. O termo “deserto” refere-se aos lugares solitários da terra (montanhas, cavernas, florestas, etc) onde o povo de Deus poderia se esconder em isolamento e assim, escapar à aniquilação total (Hebreus 11:37, 38). E assim se esconderam – os Valdenses, Albigenses, huguenotes, e muitos outros. O povo de Deus (Sua igreja) teria sido destruído se não tivessem fugido e se escondido no deserto durante esta perseguição devastadora pelo papado. (Em um período de 40 anos, ”Desde o início da ordem dos jesuítas, no ano de 1540 à 1580, novecentos mil, foram destruídos. Cento e cinqüenta mil pereceram na Inquisição em 30 anos.”[1]) Pelo menos 50 milhões de pessoas morreram por sua fé durante esse período de 1.260 anos. A Igreja de Deus não existia como uma organização oficial durante este período de tempo de 1.260 anos. De 538-1798 AD, ela estava viva, mas não identificável como uma organização. Quando saiu da clandestinidade após os 1260 anos, ela ainda tinha a mesma doutrina e características da Igreja apostólica, que entrou no “deserto” em 538.

Nota: Temos agora descoberto os nossos dois primeiros pontos de identificação da igreja de Jesus do tempo do fim:

1. Ela não existia oficialmente como uma organização entre 538 e 1798.
2. Ela surgiria e faria sua obra depois de 1798.

Haviam muitos cristãos amorosos e genuínos nas igrejas que existiam oficialmente antes de 1798. Mas nenhuma dessas igrejas pode ser a igreja de Deus do fim dos tempos, na qual Jesus está chamando todo o Seu povo, porque a igreja de Jesus, do fim dos tempos, surgiu depois de 1798. Isto significa que a maioria das populares igrejas protestantes não podem ser a igreja de Deus do fim dos tempos, porque elas existiam oficialmente antes de 1798.

[1] Albert Barnes, Notes on Daniel, comment on Daniel 7:25, p. 328.

8. Em Apocalipse 12:17, Deus chama a Sua igreja do tempo do fim de remanescente. O que a palavra “remanescente” quer dizer?

R: Significa a última porção restante. Em referência à igreja de Jesus, significa que a Sua igreja dos últimos dias, é idêntica a doutrina da igreja apostólica.

9. Em Apocalipse 12:17, que descrição adicional de dois pontos Jesus deu de Sua Igreja remanescente no tempo do fim?

R: Ela guardaria todos os Dez Mandamentos, inclusive o sábado do sétimo dia, o quarto mandamento (João 14:15, Apocalipse 22:14). Ela também teria o “testemunho de Jesus”, que a Bíblia nos diz que é o espírito de profecia (Apocalipse 19:10). (O Guia de Estudo 24 vai dar uma explicação completa do dom de profecia.)

Assim, aqui estão os próximos dois pontos de identificação de Jesus, para a Sua igreja remanescente do fim dos tempos:

3. Ela guardará os mandamentos de Deus, incluindo o Sábado do sétimo dia, do quarto mandamento.
4. Ela terá o dom da profecia.

Lembre-se que ainda que hajam cristãos sinceros nas igrejas que não guardam o sábado ou tem o dom de profecia, nenhuma destas igrejas pode ser a igreja remanescente de Deus do fim dos tempos na qual Jesus está chamando todos os cristãos dos últimos dias, porque a igreja de Deus do fim dos tempos guarda os mandamentos de Deus e têm o dom de profecia.

10. Que dois pontos finais, de identificação do remanescente de Deus, o livro de Apocalipse oferece?

R: Os dois últimos pontos dos seis são: (5) Seria uma igreja missionária em todo o mundo (Apocalipse 14:6), e (6) pregaria as três mensagens angélicas de Apocalipse 14:6-14, que estão resumidas abaixo.

A. O julgamento de Deus está em sessão. Adorái- O! A Igreja de Deus do fim dos tempos deve pregar que o julgamento começou em 1844 (ver Guias de Estudo 18 e 19). Ela também convida as pessoas a “adorar Aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e as fontes das águas” (Apocalipse 14:7). Como podemos adorar a Deus como criador? Deus escreveu a resposta no quarto mandamento. “Lembra-te do dia de sábado, para santificá-lo.” “Porque em seis dias fez o Senhor o céu e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou: portanto abençoou o Senhor o dia do sábado, e o santificou” (Êxodo 20:8, 11). Assim, a mensagem do primeiro anjo ordena a todos adorarem a Deus como Criador, guardando Seu santo sábado do sétimo dia, que Ele nos deu, como memorial da Criação.

B. Saia das igrejas caídas de Babilônia.

C. Não adore a besta ou receba a sua marca, que é o domingo como dia santo. Cuidado com todas as falsificações.

Nota: Aqui estão os dois últimos pontos de identificação:
5. A Igreja de Deus do fim dos tempos é uma igreja missionária em todo o mundo.
6. Ela prega e ensina as 3 mensagens angélicas de Apocalipse 14:6-14.

Agora vamos rever os seis pontos que Jesus nos dá para identificar a Sua Igreja no tempo do fim:

1. Ela não existia oficialmente como uma organização entre 538 e 1798.
2. Ela surgiria e faria sua obra depois de 1798.
3. Ela guarda os Dez Mandamentos, inclusive o sábado do sétimo dia, do quarto mandamento.
4. Têm o dom de profecia.
5. Seria uma igreja missionária em todo o mundo.
6. Ela prega e ensina a mensagem de Jesus de Apocalipse 14:6-14.

11. Agora que estabelecemos os 6 pontos de Jesus para identificação de Sua igreja remanescente do tempo do fim, o que Jesus nos diz para fazer, e com que resultados?

R: “Buscai e achareis” (Mateus 7:7) Jesus nos entrega essas seis especificações e diz: “Vá encontrar a minha igreja!”. Ele promete que aqueles que procuram pelas coisas celestiais irão encontrá-las.

12. Quantas igrejas se enquadram nestas seis especificações?

R: Jesus deu tais especificações distintas e específicas que se encaixam a apenas uma igreja. Jesus não deu generalidades vagas, tais como “Haverá muita gente boa na minha igreja” e “Haverá também alguns hipócritas”. Quantas igrejas se encaixariam nesses dois pontos? Todas elas. Esses dois pontos também se enquadram ao armazém da esquina e aos clubes cívicos da cidade. Eles caberiam a tudo, e, portanto, não significam nada. Em vez disso, Jesus deu pontos específicos e altamente descritivos que se encaixam a apenas uma igreja – A Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Vamos verificar novamente as especificações.

A Igreja Adventista do Sétimo Dia:

1. Não existia como uma organização oficial entre 538 e 1798.
2. Surgiu depois de 1798. E começou a se formar no início de 1840.
3. Guarda os Dez Mandamentos, inclusive o quarto – o santo sábado de Deus do sétimo dia.
4. Tem o dom de profecia.
5. É uma igreja missionária em todo o mundo, trabalhando em 208 dos 236 países do mundo.
6. Prega e ensina a grande mensagem de Jesus de Apocalipse 14:6-14.

Jesus pede-lhe para tomar essas seis especificações e verificar por si mesmo. É fácil. Você não tem como se confundir.

Nota: Lembre-se que há muitos cristãos amorosos e sinceros, nas igrejas em que esses pontos não se encaixam, mas nenhuma dessas igreja, pode ser a Igreja remanescente de Deus do fim dos tempos na qual Ele está chamando todo o Seu povo hoje.

13. Depois que um filho de Jesus atende à seu amoroso chamado e sai da Babilônia (Apocalipse 18:2, 4), o que Jesus lhe pede para fazer em seguida?

“fostes chamados em um só corpo” (Col 3:15). “E ele[Jesus] é a cabeça do corpo, a igreja” (Colossenses 1:18).

R: A Bíblia diz que o povo de Deus são chamados em um corpo, ou igreja. Jesus pede a quem deixar a Babilônia para se juntar à igreja remanescente – da qual Ele é a cabeça. Jesus disse: “Ainda tenho outras ovelhas que não são deste aprisco” (João 10:16). Ele também as chama de “meu povo”, tanto no Antigo Testamento (Isaías 58:1) como no Novo Testamento (Apocalipse 18:4). Das Suas ovelhas fora de Seu redil (igreja), Ele diz: “a essas também me importa conduzir; e elas ouvirão a minha voz; e haverá um rebanho e um pastor”. “As minhas ovelhas ouvem a minha voz … e elas me seguem.” (João 10:16, 27).

14. Como é que elas entram nesse corpo, ou igreja?

“Pois em um só Espírito fomos todos nós batizados em um só corpo, quer judeus, ou gentios” (1 Coríntios 12:13).

R: Entrando na igreja remanescente de Jesus do tempo do fim através do batismo. (Ver Guia de Estudo 9 para mais detalhes sobre o batismo).

15. A Bíblia fornece outras provas de que Jesus só tem uma igreja remanescente na qual Ele está chamando todo o Seu povo?

R: Sim, ela fornece. Vamos analisá-las:

A. A Bíblia diz que há somente um verdadeiro corpo, ou igreja (Efésios 4:4, Colossenses 1:18).

B. A Bíblia diz que nossos dias são como os dias de Noé (Lucas 17:26, 27). Quantas maneiras de escape haviam lá nos dias de Noé? Apenas uma – a arca. Mais uma vez, hoje, Deus providenciou apenas um barco, ou igreja, que conduzirá o Seu povo em segurança até o Seu reino celestial. Certifique-se de pegar o barco certo! A Bíblia diz: “Todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que iam sendo salvos” (Atos 2:47). Isso era verdade nos tempos apostólicos, e ainda é verdade hoje.

16. Qual é a boa notícia a respeito da igreja remanescente de Deus?

Resposta:
A. Seu tema central é “o evangelho eterno” da justificação pela fé em Jesus somente (Apocalipse 14:6).
B. Ela é construída sobre Jesus, a Rocha (1 Coríntios 03:11, 10:4), e “as portas do inferno não prevalecerão contra ela” (Mateus 16:18).
C. Jesus morreu por Sua igreja (Efésios 5:25).
D. Jesus descreve a Sua igreja remanescente tão claramente que é fácil identificá-la. Ele também descreve as igrejas caídas e chama o Seu povo para fora delas. Satanás prenderá apenas aqueles que mantêm seus olhos e corações fechados.
E. Suas doutrinas são todas verdadeiras (1 Timóteo 3:15).

17. Qual é a boa notícia sobre o povo remanescente de Deus?

Resposta: Eles…

A. Estarão salvos em seu reino celestial (Apocalipse 15:2).
B. Vencerão o diabo pelo “poder” e “sangue” de Jesus (Apocalipse 12:10, 11).
C. São pacientes (Apocalipse 14:12).
D. Têm a fé de Jesus (Apocalipse 14:12).
E. Encontram gloriosa liberdade (João 8:31, 32).

18. A Hora do Planeta é muito tarde. A segunda vinda de Jesus imediatamente segue a entrega das três mensagens angélicas (Apocalipse 14:12-14). Qual é o pedido urgente que Jesus faz ao Seu povo agora?

“Entra tu e toda a tua casa na arca” (Gênesis 7:1).

R: Nos dias de Noé, apenas oito pessoas (incluindo o próprio Noé) atenderam ao convite de Deus. Jesus espera à porta da Sua arca ou igreja remanescente do fim dos tempos, por você.

Nota: Este é o nosso oitavo Guia de Estudo da emocionante série sobre as três mensagens angélicas de Apocalipse 14:6-14. O Guia de Estudo final da série vai discutir o dom de profecia.

19. Estou disposto a aceitar o chamado de Jesus para vir para a segurança de sua igreja remanescente do tempo do fim?